Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

No meu último artigo sobre "Proof-of-Work vs Proof-of-Stake" comentei sobre diversos algoritmos de mineração como SHA-256, Scrypt e Crypto-night. Dei um panorama geral do que era a mineração em si nestes dois sistemas.

Se você quer adentrar no mundo da mineração, mas não confia em mineração na nuvem (veja o artigo que alerto para os problemas relacionados a mineração em nuvem), cloud mining, ou até mesmo, prefere minerar no seu computador, sem uso de ASIC's, o Minergate é uma pool que desenvolveu aplicativos tanto para Desktop, quanto para Android (Mineração with ARM processors) para mineração com um clique.

 E quando falo em apenas um clique, é apenas um clique mesmo, tornando a mineração acessível para qualquer um que tenha um hardware compatível para mineração de criptomoedas, mas talvez não tenha tanto conhecimento para começar a minerar no braço, quem minera via linux sabe do que estou falando. Uma vez demorei horas tentando minerar o monero (XMR) via CCminer. Também já tive um pouco de dificuldade tentando minerar ETH via linux.

Olhando pro Minergate, é só montar uma boa máquina e começar a minerar. Clique no Banner para conhecer:

 

E quando falo em boa máquina, me refiro, acima de tudo a eficiência. O que quase nunca é falado, mas que você precisa considerar para ter algum retorno.

Como exemplo, vou mostrar um exemplo do Ether da Ethereum onde é possível pegar tanto dados de hardware quanto ao hashrate produzido.

Por exemplo, vou pegar a AMD R7 370 2 GB GDDR5, um placa intermediária, que um PC Gamer pode vir a ter (Só lembrando que o Ether é melhor minerado com placas da AMD).

Para a dificuldade de mineração e cotação atual, o valor ganho com essa placa é de $ 50,00 dólares por mês.

Você pode conferir o cálculo com a calculadora de mineração Ethereum em:
https://badmofo.github.io/ethereum-mining-calculator/

Vamos agora colocar na ponta do lápis, os custos e verificar se teremos algum lucro:

Custo médio da placa: R$ 700,00 ( cerca de $ 200,00)

Custo da Energia: Somente o consumo da placa, chega a picos de 192W, por isso, é recomendável, no mínimo, uma fonte de 400W real, já que há outros componentes consumindo energia e, por isso, se não for considerado isso, e uma folga, é possível que os componentes superaqueçam e queimem. Por isso, é recomendável uma fonte de no mínimo de 400w real a 450w real.

Portanto, considerando o cálculo da energia com uma fonte de 450w real:

Temos que no mês, será consumido cerca de 324 Kwh para manter a máquina ligada minerando 24 horas por dia, durante 7 dias por semana.

No Rio de Janeiro, o custo de 324 kWh de energia é de R$ 268,92 ou U$ 76,83 dólares, o que torna a mineração de ether inviável, já que você só ganhará $ 50,00 dólares no fim do mês e, com isso, sua placa nunca se pagará (Você amargará mês a mês prejuízos).

Você pode comprar uma placa mais eficiente e, consequentemente, mais cara. Mas a verdade é que nosso país é pouco competitivo, principalmente no setor elétrico. Há países em que se consegue um custo médio de energia elétrica para mineração de U$ 0,10 por kWh, aqui pagamos quase $ 0,25 por kWh, sendo que 29% da conta é de imposto de ICMS, fora os outros tributos embutidos na conta.

Entendeu, agora, por que no Brasil, a indústria brasileira como um todo e o setor de tecnologia daqui não conseguem ser competitivos?

Há pessoas envolvidas com mineração que tem ido pro Paraguai em busca de melhores condições para mineração. A verdade é essa, nosso país, com essa alta carga tributária, não consegue ser competitivo. Lembro que o setor elétrico, é uma das bases de qualquer economia próspera. Energia é um alicerce do mundo moderno.



Mas parece que nosso governo, altamente inchado e ineficiente, esquece disso. Há um jeito de tentar fugir pelo menos dos impostos: Gerando sua própria energia (Será tema para um próximo post).

 

Por enquanto é isso galera,

Obs: Este artigo é apenas uma análise pessoal, não representa indicação de investimento no mercado.

Grande Abraço,
Wendel (@wendelrj).